Meu Deus eu Creio, Adoro, Espero e Amo-Vos. Peço-Vos perdão para todos aqueles que não creem, não adoram, não esperam e não Vos amam.

Translate

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Translate Formação Católica

08 setembro 2015

MARCELLUS INITIATIVE - COMENTÁRIO ELEISON - 278

MARCELLUS INITIATIVE
 ELEISON COMMENTS CCLXXVIII (278) - 10 de novembro de 2012

Após a apresentação da semana passada dos detalhes da Marcellus Initiative que visou facilitar as doações para a causa de um bispo “expulso”, alguns leitores perguntaram razoavelmente sobre o que é essa Iniciativa. Para começar, isso vai cobrir as despesas pessoais da mudança de Wimbledon, talvez para fora de Londres, a fim de então ir viver em outro lugar. Além dessas despesas, a palavra “Iniciativa” foi escolhida deliberadamente para deixar opções em aberto. No entanto, é importante que ninguém pense que essas doações serão para em breve arranjar um substituto para a Fraternidade São Pio X ou para substituir um seminário. Há boas razões para não apressar nenhum dos dois.

Para uma alternativa à FSSPX, nós devemos aprender as lições a serem tiradas dessa severa crise. A Igreja Católica funciona na base da autoridade, do Papa para baixo, mas nosso mundo Revolucionário tem quebrado atualmente o senso natural de autoridade do homem de tal forma que poucos sabem como comandar, e a maioria dos homens obedecem ou muito pouco ou demais. Nós temos, por assim dizer, ficado sem o bom senso popular que permitiu que a autoridade Católica funcionasse. Então como somente Deus pôde estabelecer a autoridade de Moisés pelo sensacional castigo dos rebeldes (Números XVI), então em nossa época com certeza somente Deus pode restaurar a autoridade do Papa. Será através de uma “chuva de fogo”, tal como Nossa Senhora de Akita profetizou no Japão em 1973? Seja como for, oasis de Fé permanecerão como uma possibilidade imediata e prática, e eu irei fazer o melhor que puder para servi-los.

Argumentos similares podem ser aplicados para o reinício de um clássico seminário Católico. Ninguém pode fazer tijolos sem palha, diz o velho provérbio. É cada vez mais difícil produzir sacerdotes Católicos de nossos jovens homens modernos, penso eu. Qualidades sobrenaturais de fé, boa vontade e piedade percorrem um longo caminho, mas a graça constrói na natureza, e os fundamentos naturais, tais como um lar sólido e uma verdadeira educação humana, estão cada vez mais em falta. Claro que ainda existem algumas boas famílias onde os pais entenderam o que sua religião requer deles para colocar suas crianças no caminho para o Céu, e onde eles estão fazendo o seu melhor heroicamente. Mas nosso mundo pervertido é armado para destruir todo bom senso e decência natural, de gênero, família e país. Com a melhor boa vontade, as crianças do ambiente social de hoje permanecem em geral mais ou menos severamente incapacitadas quando se trata de perceber ou seguir um chamado de Deus.

Isso quer dizer que Deus desistiu de Sua Igreja, ou que Ele pretende nos deixar sem sacerdotes para amanhã? Claro que não. Mas isso significa que nenhuma organização Católica arrumada amanhã para salvar almas pode se permitir deixar de enxergar a natureza destruidora de almas da Igreja Conciliar e do mundo moderno. Isso significa que sacerdotes não poderão ser formados amanhã para adquirir um perfeito conhecimento da Suma Teológica de Santo Tomás de Aquino enquanto tiverem pouca ou nenhuma ideia de como ela se aplica na vida real hoje.

De qualquer forma as congregações e seminários de amanhã devem se manter agarrados na realidade, e não se perderem em sonhos sobre quão “normais” eles são ou precisam ser. Isso pode ser feito? Com a ajuda de Deus, sim. Mas Deus é Deus, e para a salvação de almas, amanhã pode ser que Ele não recorra mais aos clássicos seminários ou congregações de ontem. Por mim, eu devo tentar seguir Sua Providência na ordenação de sacerdotes ou – na consagração de bispos. Que seja feita a vontade de Deus.



Kyrie eleison.

Nenhum comentário:

Postar um comentário