Meu Deus eu Creio, Adoro, Espero e Amo-Vos. Peço-Vos perdão para todos aqueles que não creem, não adoram, não esperam e não Vos amam.

Translate

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Translate Formação Católica

07 setembro 2015

“UNIVERSIDADES” – REMÉDIOS II - COMENTÁRIO ELEISON - 161



“UNIVERSIDADES” – REMÉDIOS II
ELEISON COMMENTS CLXI (14 de agosto de 2010)

Por que as “universidades” modernas são verdadeiras lixeiras da “democracia”? Porque em uma “democracia” todos devem ser iguais e ninguém pode parecer superior a ninguém. No entanto, ter um diploma torna uma pessoa superior às outras, então, todos devem ter um diploma. Mas nem todos os rapazes têm o raciocínio e o empenho necessários para obterem um diploma. Assim, as “universidades” terão de ser idiotizadas e os “diplomas” terão de ser concedidos a qualquer tipo de idiota, até que todo rapaz possa ter um “diploma”, mesmo que ele não valha nem o papel em que está escrito. O sistema “universitário” atual está “totalmente falseado”, diz um amigo americano e professor, que o conhece por dentro.

O que está na raiz dessa imbecilidade moderna? Mais uma vez, a falta de Deus. Todas as almas são absolutamente iguais diante de Deus, pela eternidade, até seu julgamento no momento da morte, que é a única coisa que realmente importa. Porém, as almas são, em todos os aspectos, desiguais diante dos homens, durante esta curta vida, na sociedade humana. Isto é assim porque Deus distribui seus dons de forma bastante desigual, para que os homens sejam interdependentes e tenham de cuidar uns dos outros. Deste modo, um mero “diploma” humano não torna ninguém superior diante de Deus, mas só diante dos homens insensatos que se esquecem de Deus. Logo, os pais que não se esquecem de Deus acabarão por desprezar a “democracia”, a “igualdade”, as “universidades” e os “diplomas”.

Sua principal preocupação será a de formar os seus rapazes na realidade, de modo que eles possam chegar ao céu real do Deus real, dando pouca atenção para a irrealidade de um mundo que está caindo em ruínas. A primeira pergunta que os pais devem se fazer: que dons Deus deu a este nosso rapaz, bem diferente até mesmo dos nossos outros rapazes? A que ele se inclina? Os dons que Deus deu a ele irão apontar para o que Deus quer para ele. Obviamente, uma grande quantidade de rapazes é mais dotada para os trabalhos manuais que para os livros. Curiosamente, G.K. Chesterton disse certa vez que procurar dominar um trabalho manual, por exemplo, em madeira ou metal, é um aprendizado sobre a realidade. Então, sem sombra de dúvidas, deixem o rapaz ingressar em uma escola técnica e aprender uma habilidade real para se tornar, por exemplo, um bom carpinteiro, eletricista, encanador ou mecânico. Será que algum tio do rapaz tem uma fazenda? Mande-o para lá. Cuidar de animais é uma grande escola sobre a realidade!

Para que ele aprenda sobre esta realidade, deixe-o distante de “diplomas”. Os empregadores de hoje podem ainda estar exigindo um “diploma”, mas amanhã eles estarão dizendo: “Você passou três anos desperdiçando o dinheiro dos seus pais ou criando uma grande dívida, só para aprender a beber, jogar frisbees e vadiar com as moças? Você não me interessa!” Muito pelo contrário, se, além de uma habilidade prática, um rapaz tiver aprendido em casa a honestidade e o trabalho duro, ele será capaz de ter mais que apenas uma vida honesta. Seus serviços serão muito requisitados em um mundo colapsando na ruína dos valores irreais.

Quanto às moças, deixem-nas aprender as realidades domésticas de todos os tempos, como costura, culinária, música, artes, em resumo tudo que dá prazer à vida numa casa, mas especialmente a culinária. O mundo pode cair em ruínas, de qualquer maneira que seja, mas o caminho para o coração de um homem ainda estará passando por seu estômago. É um homem quem fala!

Kyrie eleison.

Nenhum comentário:

Postar um comentário